31 agosto 2010

Novo “Sorriso Negro” em Malhação.

Dandara de Morais, integrante da nova temporada de Malhação na Rede globo.
Por:Agnes Maria


Sorriso largo, Black Power bem definido, e Trança*Nagô*, dão um toque especial a atriz Dandara de Morais, integrante da nova temporada de Malhação na Rede globo. Júlia nome dado a sua personagem é filha do professor Antonio, representado pelo rapper MV Bill.

A personagem de Dandara enfrenta, um conflito por muitas vezes abordado no roteiro da novela teen, gravidez na adolescência. Tímida, boa aluna, e filha exemplar, segundo a ficha técnica que define as características da personagem, a trama se desenvolve em torno de sua gravidez, e do pai que acaba de ficar viúvo e é muito conservador.

Com apenas 20 anos Dandara diz em suas entrevistas, que a entrarda em malhação veio de forma repentina, decidiu estudar teatro a um ano atrás depois de assistir “Cinderela em Paris” com a Atriz Audrey Hepburn (considerado por muitos críticos de cinema e moda a atriz com o glamur eterno).

A interpretação de Audrey realmente inspirou Dandara, que estudou e se garantiu no horário da tarde na rede Globo de Televisão. Uma nova representante negra que tem em mãos a chance afirmar a beleza da etnia, e a oportunidade de mostrar seu talento para todo o Brasil.
Por:Agnes Maria

30 agosto 2010

Um único som

Hits musicais fazem sucesso e fazem a alegria dos africanos
Por: Leandro Gaignoux



Geralmente quando vamos a algum lugar, ouvimos as músicas do ambiente, logo já podemos identificar o estilo que predomina por ali. Tempos atrás era assim, certo? Era, mas parece que hoje em dia as coisas mudaram um pouco de contexto devido à globalização que vem nos atingindo dia após dia. Este efeito faz que seja possível que o som que um jovem escuta no Brasil também seja ouvido em outro lugar do mundo ao mesmo tempo. É como dizer que a cultura em geral não é mais uma particularidade de uma região ou um povo e sim de todos.

Por aqui os sul-africanos não diferem muito do que estamos acostumados a ouvir quando vamos a uma balada brasileira. Músicas do momento tocando, com direito a bastante hip-hop e som eletrônico. O primeiro gênero chega até a ditar moda entre os negros, fazendo referência aos rappers americanos. Já os brancos são mais fãs do techno, mas não deixam de curtir outros estilos. O que também faz muito sucesso são as músicas em Afrikaans, uma mistura de holandês com alemão, elas tem vaga certa nas rádios. São bem animadinhas e agradáveis de ouvir. Como em todo lugar do mundo aqui não deixa de ter espaço para todas as tribos e gostos.

Leandro Gaignoux diretamente da África do Sul

Ao chegar à África do Sul tive uma boa surpresa quando saí pela primeira vez para uma noitada. Ouvi o famoso funk do filme Tropa de Elite, Rap das Armas, e o mais curioso foi que ela faz sucesso entre os jovens. Nosso som faz sucesso por onde toca e aqui não seria diferente .Isto mostra que ao contrário do que muitos procuram dizer ao questionar o funk como cultura.


PARRA PA PA PA PA PA PA PA

Racismo é Burrice - Gabriel pensador



"...Racismo é burrice

Não seja um imbecil
Não seja um ignorante
Não se importe com a origem ou a cor do seu semelhante
O quê que importa se ele é nordestino e você não?
O quê que importa se ele é preto e você é branco
Aliás, branco no Brasil é difícil, porque no Brasil somos todos mestiços..."

27 agosto 2010

Veronika decide morrer(Verõnika decides to die)

Se você tivesse uma segunda chance ... o que você mudaria na sua vida?
Por: Joyce Pinheiro


Baseado no livro de Paulo Coelho e com Sarah Michelle Gellar como Veronika. A história: em depressão e se questionando sobre sua vida, Veronika toma uma overdose de calmantes. Acorda em uma clínica psiquiátrica e descobre que só tem uma semana de vida.

Sabe a idéia de felicidade? E em como rola a pressão em nossa sociedade, de que se você não é feliz é um fracasso? A obra de Paulo Coelho trata disso. Para Veronika não fazia sentido em continuar uma vida (mesmo sem grandes problemas pois ela tinha um bom trabalho e apartamento em Nova York) vazia. Muitas vezes sentimos essa sensação de vazio(nem sempre é fome) e às vezes é necessário que algo grande aconteça. Deparar-se com a possibilidade de morrer causa mudanças, e é justamente isso o que ocorre com a personagem de Sarah Michelle Gellar.

A interpretação de Sarah é excelente e a história é muito boa e não se trata de auto-ajuda. O filme tem uma fotografia interessante e nos mostra uma perspectiva diferente, cheia de reflexos e focos. Não creio que essa seja a única adaptação para as telas de um filme de Coelho, visto que seus livros são sucesso em todo o mundo.


Por: Joy

25 agosto 2010

Back2Black Festival 2010


A África será homenageada na segunda edição do Back2Black Festival, que acontece na agitada Estação Leopoldina, no Centro, entre os dias 27 e 29 de agosto.

Mais uma mega festa de celebração. Apesar de a África ter contribuído tanto para a identidade brasileira e, atualmente, também manter uma rica produção cultural, pouco conhecemos do que é criado no outro lado do Atlântico - comenta Connie Lopes, produtora portuguesa radicada no Rio há três décadas e que divide com Julia Otero a direção artística do festival.

Serviço:Back2Black
Dias 27, 28 e 29 de agosto (sexta, sábado e domingo)
Local: Estação Leopoldina – Barão de Mauá (Av. Francisco Bicalho, s/n, Centro)

Programação:

Dia 27 (sexta)

Palco Estação
19h-20h30 - Conferência - Direitos Humanos e Sociedade Civil
Palestrantes: Joyce Banda, Rubem César Fernandes e Chris Abani

SHOWS
Palco Estação
21h30-22h30 - Carlinhos Brown
23h00-00h30 - Seun Kuti + Fela's Egypt 80

Palco Urbano
23h00 – 23h45 - DJ Negralha
00h00 – 00h45 - Stereo Maracanã
1h – 2h - MC Zola
2h15 – 3h15- Zakee

Nos trilhos
20h30 – 21h30 – Quinteto Nuclear

28 de agosto (sábado)

Palco Estação
19h30-20h30 - Conferência – Criatividade
Palestrantes: Dave Stewart, Vik Muniz e Zola /Mediadora: Heloisa Buraque de Hollanda

SHOWS
Palco Estação
21h30-22h30 - Arnaldo Antunes + Toumani Diabaté. Participação de Jam da Silva
23h-00h30 - Erykah Badu

Palco Urbano
11h-11h45 - Joya Bravo
00h-00h45 - Theophilus London
1h-2h – Dave Stewart. Participação especial de Judith Hill, Nadirah X e Ann Marie Calhoun

Nos trilhos
20h30 – 21h30 - Natasha Llerena

29 de agosto (domingo)

Palco Estação
17h-18h30 - Conferência – Literatura, Imagem e Som
Palestrante: Mia Couto
Mediador: José Eduardo Agualusa

SHOWS
Palco Principal– Celebração do Blues
19h - Celebração do Blues com Elza Soares, Frejat, Mart'nália, Taj Mahal e Vieux Farka Touré

Palco Urbano
20h - Baile do Viaduto de Madureira

Nos trilhos
18h30 – Os Roncadores


Ingressos:
Conferências +Palco Estação+Palco urbano: R$ 90
Palco Estação+Palco Urbano: R$ 70
Palco Urbano: R$ 50
Combo 2 dias: R$ 150
Combo 3 dias: R$ 200
Saiba quais são os pontos de venda no site:www.back2blackfestival.com.br/
Estacionamento no local com manobrista: R$ 10


Arnaldo Jabor fala sobre o racismo

23 agosto 2010

::Sorteio do livro "Cada Fio uma História"



Vocês que acompanharam semana especial de lançamento do livro Cada Fio uma História e ficou curioso com o conteúdo do livro, temos uma ótima promoção! Que tal ganhar o tão falado livro?

Mini-resenha:
O livro conta como é desenvolvido o projeto Trançando Idéias .

Eu já devorei o meu... Quer um só pra você? Então participe!

Além do livro, você ainda ganhará o kit Trança *Nagô* com camiseta exclusiva e adesivo!


Como concorrer:
Para concorrer é muito simples !Não tem que responder nada, nem fazer a frase mais criativa.

Basta seguir mo nosso perfil no Twitter, nosso Blog, adicione nosso perfil no Orkut e deixe um comentário neste post com seu e-mail e twitter! Assim você já está concorrendo! Fácil, né?

Ah, e você que mora longe, não tem problema, o Brasil inteiro pode participar!

O sorteio será realizado na segunda-feira, dia 13 de Setembro de 2010 e você tem até o dia 11 de Setembro para participar. Vamos divulga o vencedor do sorteio no blog no dia 13/09/2010. Vencedor esse que terá até 17/09/2010 para responder o email de confirmação.


Regras da promoção:
- A data de término da promoção poderá ser antecipada ou prorrogada mediante comunicação prévia do blog;
- O prêmio é pessoal e intransferível, e em nenhuma hipótese, o vencedor poderá trocá-lo ou recebê-lo em dinheiro ou qualquer outro bem;
- A equipe do Trança *Nagô* não se responsabiliza caso a informação fornecida no cadastro não seja correta.
- Caso o sorteado não esteja enquadrado nas regras será desclassificado.
- Caso o sorteado não tenha twitter, avise previamente no post onde colocará o e-mail.
- Este concurso é de caráter exclusivamente cultural, não estando vinculado à compra de produto nem subordinado a qualquer modalidade de sorte (artigo 30 do decreto-lei 70.951/72)



RESULTADO

Então para não ter favorecimento , foi usado um aplicativo para o sorteio de forma aleatória foi selecionado uma pessoa. Tivemos 27 pessoas participando efetivamente do sorteio. Pela ordem dos comentários foram dados numero. então foi sorteado o numero 7. Portanto o 7º comentário valido foi . . . @IlcaAngela Vencedora terá até 17/09/2010 para responder o email de confirmação.
PARABENS


Janelle Monae - Sincerely Jane



. . .Are we really living or just walking dead now?
Or dreaming of a hope riding the wings of angels
The way we live
The way we die
What a tragedy, I'm so terrified
Day dreamers please wake up, we can't sleep no more . . .

22 agosto 2010

Lançamento do livro “Cada Fio Uma Historia” #PARTE:3 de 3

Cada fio com MUITO estilo
Por: Élida Aquino


Gosto de ver gente estilosa. Gosto mais ainda de falar delas. No dia 27 de julho de 2010 pude ver várias reunidas no evento que lançava o livro “Cada fio, uma história”. O motivo era nobre. E eu lá, querendo ver tudo, feliz. E é por isso que quero falar um pouquinho do que vi, junto com a @grazifala e o @fabiopalves, que já descreveu como eu fiquei durante a festa toda. Mas compreendam, era muita gente visualmente importante e eu tinha que comentar.





Vi étnicos, jeans & camiseta, street style, pretinhos básicos (como o da @grazifala)... Na cabeça trança ou black eram quase unanimidade e eu fiquei feliz em saber que as imposições quanto ao que o cabelo deve ser estão acabando. Acessórios legais e uma feirinha que expunha muita coisa interessante e acessível, destaque pro RETALHOS CARIOCAS.




Não quero avaliar “fashionistamente”, mas através desse post dou créditos aos que capricharam na produção para estar lá, fazendo parte de um fio da história de lutas e vitórias. Espero que esses fios estilosos sempre estejam tramados pra construir um futuro mais digno e justo. Curtam as fotos aqui em baixo e concordem comigo. (;

Por: Élida Aquino


Lançamento do livro “Cada Fio Uma Historia” #PARTE:1

Lançamento do livro “Cada Fio Uma Historia” #PARTE:2

19 agosto 2010

1ª FEAFRO NILO

eu vi de perto e era verdade

Por: Fabio Alves


Quando se fala em movimento afro, pelo menos pra quem mora no Rio, logo se pensa em Madureira, CUFA, FEBARJ, e por ai vai... A Baixada Fluminense é sempre excluída desse tipo de movimento cultural e ficando sempre de fora, mas esse é outro papo.

No entanto, aconteceu pela primeira vez no município de Nilópolis, FEAFRO NILO ou Feira Afro de Nilópolis! Comércio, cultura e arte. Tudo em um só lugar, no Mercado Popular. Pra quem não sabe a onde fica o Mercado Popular, eu respondo: é pra onde foram levados “us camelô”. Esse lugar aí da foto. Foto Naldo Mesquita

Eu, Fabio Alves, estive lá e vi de perto e era verdade! A primeira Feira Afro de Nilópolis existe mesmo!! Não preciso nem falar que fico muito feliz com iniciativas como essas e dou meu total apoio.

A feira teve apresentações musicais, que infelizmente não pude ficar para conferir=(, e a mostra da exposição do CIAFRO “Benin: ancestralidade – um dos berços da nação brasileira”. Bem legal! Li tosas as paradinhas dos Banners. Pena que não deu pra curtir tudo... Teve gastronomia afro, desfile de moda-afro e performances.... e, ah, claroOo tranças, tranças, tranças!



Esse evento foi em comemoração do 63ºaniversário de Nilópolis eeeeee E não será o único evento. Vai ter show de GRATIX. Olha que legal!! A Prefeitura de Nilópolis lançou um portal exclusivo para a divulgação dos festejos em comemoração ao 63º aniversário do município. Quem acessa o endereço www.aniversario.nilopolis.rj.gov.br poderá dar uma olhada melhor, mas não clica agora não, termine de ler o post!!!

M - O - N - O - B - L - O - C - O, que beleza, uh, Monobloco! É apenas uma das atrações que contará com NXZERO, DANIEL... e é clalro com a BATERIA DA BEIJA-FLOR

SERVIÇO:
Local: Centro de Eventos
R. José Martins, s/nº, Frigorífico

19/08 - QUINTA
SHOW DE TALENTOS
17:00h
SHOW DO MONOBLOCO E BATERIA DA BEIJA-FLOR
17:30h

20/08 - SEXTA
SHOW DO NXZERO
18:00h

21/08 – SÁBADO
SHOW DO DANIEL
18:00h

23/08 - SEGUNDA
SHOW GOSPEL
Pastor Antônio Cirilo e Ludmila Feber
18:00h



Por: Fabio Alves

18 agosto 2010

Ensaio fotográfico de Raffaela Reis













Santo Antônio da Patrulha, Rio grande do Sul


Modelo: Raffaela Reis
email: raffaeladsr@hotmail.com


Fotógrafo: Amaury Barcella
MSN: amauribarcella@hotmail.com

16 agosto 2010

Banda Alforria Reggae

Eu Acredito no bem.

Por: Fabio Alves


Bem, a primeira vez que vi essa banda foi em Nilópolis em um projeto que não sei bem o nome, acho que era “Reggae na Praça” ou algo parecido. “Um show de graça na praça do exército em Nilópolis”, foi assim, foi essa informação que chegou ate mim no dia. Não sabia quem iria cantar e nem quem iria estar. Esse evento teve várias outras bandas, umas das ultimas foi Banda Alforria Reggae. Nos primeiros dois minutos da banda tocando já gostei do som. Leve equilibrado, letra envolvente. A banda tem tudo que uma banda de reggae tem que ter no meu ponto de vista, parte instrumental impecável e letra consciente.

Quando cheguei em casa, não fui igual a um tarado procurar na net. Confesso que demoraram uns bons dois meses. RS* Aí joguei o nome do Google e achei o Myspace, Passei a escutar várias vezes e agora algumas das suas músicas não saem da minha. #playlist

A banda é bem conectada, tem MYSPACE, TWITTER, BLOG E ORKUT, ou seja, tudo! Não tem motivo de não encontrar os caras. Não é a primeira vez que a banda esta no nosso blog, já apareceu aqui com a música Negra Terra. Que fala sobre a escravidão.

Alforria Reggae Raiz foi formado em Janeiro de 2008 por músicos envolvidos em um trabalho de consciência espiritual e críticas ao sistema, utilizando o poder do Reggae Music. Os instrumentos que compõem a banda são: bateria, baixo, duas guitarras, teclado, percussão, saxofone e dois vocais. Um Reggae Raiz misturado com elementos do jazz, rock e ska com uma sonoridade original, que começa dentro da personalidade de cada membro.

Para download do CD demonstração->(clica aqui)

Por: Fabio Alves

Dona Cila - Maria Gadú



"De todo o amor que eu tenho
Metade foi tu que me deu
Salvando minh`alma da vida
Sorrindo e fazendo o meu eu

Se queres partir ir embora
Me olha da onde estiver
Que eu vou te mostrar que eu to pronta
Me colha madura do pé

Salve, salve essa nega
Que axé ela tem
Te carrego no colo e te dou minha mão
Minha vida depende só do teu encanto
Cila pode ir tranquila
Teu rebanho tá pronto...."

11 agosto 2010

Nagô da Semana #7


Feito por: Dj Tamy - Riachuelo - RJ
Tipo de trança: Dread sintético / com lã
Tempo para confecção: 7 hora.
Custou: -- reais
Contato:(021)7661-5200

10 agosto 2010

O Xadrez das Cores


O curta metragem "O Xadrez das Cores " (2004, 21 minutos), dirigido por Marco Schiavon mostra uma mulher branca de 80 anos fica sob a guarda de uma empregada doméstica negra. A idosa não faz questão nenhuma de disfarçar seu racismo submetendo o tempo todo a empregada às mais variadas humilhações. Usa como desculpa inclusive o jogo de xadrez que ensina à empregada para ter o prazer de sempre derrota-la.







Comente. . .

09 agosto 2010

Make para os dias cinzas de inverno

Mais uma vez Cinthya Rachel no nosso blog rs*
então aperta o play e seja felize e linda.

06 agosto 2010

Sex and the city

Por: Joyce Pinheiro



Sou suspeita para falar sobre Sex and the city pois sou grande fã da série. Na minha opinião tem muita importância pois representa tipos de mulheres do século XXI, independentes, arrojadas, inteligentes e sem medo de ser feliz. O primeiro filme foi cheio de acontecimentos e drama de verdade!! (não ficarei aqui contando pois vai que alguém quer assistir?!) e é claro, cheio de uma das coisas que mais chamam atenção sobre Carrie, Samantha, Charlotte e Miranda: a moda!

Os trajes são capítulos à parte, o que torna o filme ainda mais "menininha" mas o que não impede ninguém de ver. Só com figurino das quatro fiquei sabendo que foram uns 10 milhões de dólares.

Nesse segundo filme baseado no livro de mesmo nome de Candace Bushnell sai um pouco de New York e nos vemos na quente e luxuosa Abu Dhabi nos Emirados Árabes. A película retrata um pouco sobre a situação das mulheres e sexo, que apesar de ser uma cultura totalmente diferente as mulheres são iguais em muitos aspectos.

Vejo Sex and the city 2 como pura diversão, principalmente Samantha Jones com suas aventuras sexuais e trapalhadas. Todo o glamour é bastante exagerado, mas que graça teria se fosse tudo "normalzinho"?

O sexo e a cidade não tem muitas pretensões, fala sobre o que sempre falou durante toda a série: a cidade em que vivem, moda, amizades e principalmente busca do amor.

É recomendável principalmente, para quem acompanhou a série.

Por:Joy

Lançamento livro " Cada Fio uma História" no Circo Voador Canal Futura

No dia 27 de julho de 2010, o Circo Voador está em festa com o lançamento do livro " Cada Fio uma História" do Projeto Trançando Idéias da ONG ESTIMATIVA, que reuniu um público pra lá de especial. Confira! VEJA!



O BLOG TRANÇA *NAGÔ* também estava nessa festa,
confira nosso olhar sobre sobre esse evento:

Lançamento do livro “Cada Fio Uma Historia” #PARTE:1

Lançamento do livro “Cada Fio Uma Historia” #PARTE:2

04 agosto 2010

Lançamento do livro “Cada Fio Uma Historia” #PARTE:2 de 3

Apenas um fio dessa História
A festa de Lançamento do livro “Cada Fio uma História” não foi somente um lançamento, muito menos só uma festa, foi um acontecimento para ficar gravado na Historia.

Por: Graziela Gama


O motivo de tamanha intensidade é a questão cultural que esse livro engloba e o orgulho de fazer parte de uma iniciativa tão importante para uma nação. E quando digo nação, não é só o Brasil, mas incluindo todos àqueles países que também tem como membro a cultura afro.

Sandra de Sá também tem a mesma opinião quando diz que “nós não temos noção do que significa isso tudo, nem a gente sabe a dimensão e a proporção que este encontro está tomando”. E também apóia totalmente a causa. “Quando fazemos algo importante não temos que ter medo de chamar gente influente para representar, e é por isso que eu estou aqui”.

Me empolguei e me adiantei um pouquinho, voooltando...

Muitas mulheres sentem que precisam de uma identidade própria, se meus cálculos tiverem certos, a maioria delas. Elisa Larkin, uma das autoras do livro, sentia isso. “Minha identidade gritava”, contou quando perguntada de como começou a trançar.

Jana Guinond responsável pelo projeto, confirma. “Nossa liberdade de expressão que é imposta pela sociedade de alisarmos nossos cabelos. Temos que deixar eles do jeito que queremos. Começar trançando as idéias, depois os cabelos para que sejamos reconhecidas pelo que somos”.

A influência que Nina Silva, também responsável pelo projeto, tinha quando menina era ser trançada pela mãe e pela avó. “É um elo real com as tranças, indo através de gerações e contando a nossa raiz”, afirma.

você está lendo #grazifala


Rosi, trancista, complementa contando que “cada uma passa o que sabe, formando um grande elo entre todas as trançadeiras”. Sandra de Sá, que comandou o talk show da noite, ainda completou. “O pessoal tem cabelo liso ou alisado, mas quer trançar”, conta a cantora que quer alastrar o projeto para que mais mulheres se encontrem na sua cultura.



“Um fio de história que ainda tem muito para contar” Nina Silva

Presenças ilustres marcaram como a do ator Antônio Pitanga e a esposa a política Benedita da Silva que é ativista do Movimento Negro e Feminista prestigiaram o evento. “Culturas que trançam gerações que é o grande pilar desse país. É a festa da raça e a festa do país, Brasil”, fala o ator sobre a importância do evento. Já Benedita acha o resgate da cultura fundamental. “Nossa historia que está cada vez mais contada. Dessa forma iremos conseguir preservar nossas tradições, trançando verdadeiramente as idéias”.

O cantor Thiago Thomé, autor da famosa “da pele preta, do olho escuro, nariz batata, cabelo duro, eu sou negão”, que não poderia faltar mesmo, completa o que a ativista Benedita fala. “É fantástica a valorização da cultura, firmando onde a gente está e da onde nunca deveria ter saído, firmando essa cultura. É fantástico, necessário e pertinente”, conta.

Claro, muita música para animar o pessoal com o grupo Só Damas. Nem preciso dizer que só é composto de meninas, todas arrumadas de acordo com o evento, com suas tranças impecáveis e vozes marcantes.



Conheça o projeto Trançando Idéias 2010
Conheça mais a ONG Estimativa




Por: Graziela Gama

Conexão Futura - Lançamento do livro Cada fio Uma História.

Conexão Futura um ambiente de encontro, de aproximação de pessoas que compartilham interesses comuns. Recebe Jana Guinond e Mareline para falar sobre o lançamento do livro Cada fio Uma História.


Conexão Futura - Canal Futura 23/07/2010

03 agosto 2010

Lançamento do livro “Cada Fio Uma Historia” #PARTE:1 de 3

Cada fio SUA história
O lançamento do livro “Cada Fio Uma Historia” foi realmente fantástico.

Por: Fabio Alves


Uma noite fantástica! O lançamento do "Livro Cada Fio Uma História" organizado por Jana Guinond e Nina Silva da ONG Estimativa pode ser considerado "O Evento".

O livro conta um pouco do trabalho desenvolvido no projeto oficina Trançando Idéias. Que incorpora o conceito de interdisciplinaridade, ações educacionais, de formação profissional de desenvolvimento comunitário para a formação, não só de um profissional, mas de um cidadão que sabe e entende suas origens.

Sandra de Sá que abrilhantou o evento cantando e botando a galera pra dançar. Além de ter papel importante apadrinhando o projeto e fazendo o talk show com as principais responsáveis pela festa, Jana e Nina.

Tranças e cabelos de todos os tipos. Muita gente bonita e estilosa. Pra vocês terem idéia nossa cara amiga e colaboradora @elidaquino não parava de falar: “Nossa, gostei da roupa dela, da roupa dele, do cabelo daquela e quero uma trança igual a essa!” Ou então. “Nossa quanta gente bonita!”



Confesso que fico extremamente animado com iniciativas como a da ONG Estimativa. E a festa ainda teve como palco o Circo Voador que transborda cultura, atitude, representatividade. Enfim, tudo o que a cultura afro precisava!

Ps.:Gostei do livro também, porque estou nele (eeeeeeeee), olha que legal pág.22!

Por: Fabio Alves

Trançando Idéias 2010

Você sabe o que é Trançando Idéias ?



Trançando Idéias 2010
Um dos Projetos da Estimativa em Parceria com a Inter American Foudation fomentando a rede de tranceiras(os) no Rio de janeiro. (Leia+)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...