01 outubro 2010

Dread Lock #Parte2 Como faz?

Não faça, cultivem!
Por: Fernanda Moraes

Salve Salve Simpatia! Chegamos a parte mais prática e divertida da história... AAahhh é preciso paciência, dedicação e certeza absoluta quando se faz dread. Antes quando se falava em dread a maioria das pessoas logo se remetiam a coisas radicais, meio undergrounds pelo fato de ser uma escolha que não tem volta(falo pelo tipo de cabelo mesmo)e até mesmo pelo próprio estereótipo criado que,convenhamos, beira ao preconceito!

Enfim, a cena tá mudando, ou melhor, já mudou. Além da forma tradicional, agora nós já temos várias formas de fazer o dread, e uma dessas formas nem é preciso taaaanta certeza assim já que o dread é provisório.

Nós temos, hoje, os seguintes tipos de dreads:

Tradicional - É a forma que mais se exige dedicação e também a que os Rastafaris usavam antigamente.Dificilmente alguém com o cabelo liso irá conseguir obter um resultado satisfatório pelo simples fato de que o cabelo enrola por si só.O processo é simples, divide-se o cabelo em mechas e,com a ajuda das mãos,ir formando os dreads.E depois o tempo se encarrega...

Com cera - Era o método mais usado antes da agulha aparecer e diminuir o tempo do processo.Todos os tipos de cabelo funcionam com a cera, mas os fios precisam ter um certo tamanho,10 centímetros,dependendo do cabelo um palmo já é o suficiente.Nessa forma também divide-se o cabelo em pequenas mechas e com um pente fino se penteia cada mecha da ponta até a raiz para embolar, e em seguida aplica-se a cera de abelha.
Costumo dizer que cada um com seu dread, mas se você decidiu fazer dread e já quer partir pra cera:Calma!Dá um certo trabalho aplicar a cera, então procura alguém que SAIBA fazer!
No caso da cera também é preciso a manutenção, pras mechas não se soltarem.

Com agulh
a -Hoje em dia é o método mais usado pelos profissionais.Sim, é preciso ser profissional pra fazer.Usar a agulha de crochê não é pra qualquer um.Então não vai se achando esperto e catando a agulha da sua mãe, você vai tentar e não vai conseguir,pode até estragar tudo e ter que cortar a juba.Peça a ajuda de alguém que saiba fazer...
Algumas pessoas não gostam de fazer o dread com agulha porque é dolorido (não é nada demais, o que acontece é que a agulha acaba puxando a raiz e incomodando), mas o processo é rápido,o resultado uma maravilha.Mas a manutenção nesse caso é obrigatória SEMPRE (Se o seu dread for teimoso como o meu então...).Como o cabelo é costurado, alguns fio sempre se soltam...Aí já viu.

Provisórios - Algumas pessoas usam sprays pra formarem os dreads, mesma coisa de sempre:Divide-se as mechas e enrola,depois aplica-se um spray modelador.Outro tipo de dread provisório são os apliques naturais ou artificiais e possuí também o dread feito com lã, que fica bem bonito e colorido.Todos esses tipos são provisórios e são uma boa opção pra quem ainda não se decidiu por fazer um dread definitivo.

No desfile são dreads provisórios com spray modelador.

Dread de linha - Ou dread de lã, É bem simples faz uma trança solta (em alguns lugares são chamadas trança jamaicana), ai vai dredado normalmente com com lã, ou outro fio sintético. prende o fio perto do couro cabeludo e vai envolvendo a trança até o final. É quase o mesmo esquema que o Tererê. Dá um certo trabalho mais é uma boa forma de saber como ficaria o cabelo com dread. Uma outra coisa que você poder fazer com varias cores.


Por experiência própria eu digo que o começo é sempre complicado, chato...Você pensava que embolar o cabelo era fácil e quando vê tá odiando tudo porque ele NÃO embola! Mas é o que eu falei lá em cima... É preciso se dedicar, cuidar... Quando menos se espera ele "trava" e tudo fica bem. É preciso ficar atento aos sinais que o cabelo dá, sobre isso eu falo em outro post. Mas... Não esquecendo aquele meu post sobre a cultura dos dread locks... Não façam, cultivem!!!

Por: Fernanda Moraes

8 comentários:

  1. Muito top mesmo! amei o blob! Vou seguir!

    ResponderExcluir
  2. Eu ja fiz Dreads de lã no meu cabelo
    Ficou muito legal *-*
    Ameei

    ResponderExcluir
  3. queria saber se da pra fazer dred com o cabelo piqueno meu cabelo esta equivalente a tres dedos de comprimento.

    ResponderExcluir
  4. O dread sintético cresce o cabelo ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, vai embolando o cabelo natural e ai tudo cresce junto. O problema do sintético é que ele estraga rápido por causa do nylon. Melhor é cabelo natural que não estraga, pode embolorar, mas é só lavar enxaguar e secar bem.

      Excluir
  5. Olá Boa noite,me chamo Júnior gostaria de por dreads no meu cabelo porém quero cabelo mesmo ,n tenho onde por alguém aí me daria uma opinião?

    ResponderExcluir
  6. Olá Boa noite,me chamo Júnior gostaria de por dreads no meu cabelo porém quero cabelo mesmo ,n tenho onde por alguém aí me daria uma opinião?

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...