12 novembro 2010

Coisa de MULHER #2

Mulher mil e uma utilidades

Por: Debora Brito



Percebemos que envelhecemos... ok, usarei a palavra amadurer.... embora não sejamos frutas. Embora saibamos ser azedas como algumas. E, embora sejamos tão saborosas quanto outras.
Enfim...

Quando criamos manias bestas, como etiquetar alguns objetos, como o lápis (X), o estilete, a garrafa térmica que deixamos na cozinha do serviço. Ou por exemplo no meu caso, em especial, quando uso o secador (mais no inverno) adoro o vento morno no rosto. Nem ligo tanto pro cabelo molhado que estou pra secar. Aaah aquele ventinho, que delicia.... poderia gastar meia hora nesse ritual. Mas a conta de luz de fim de mês...

Percebemos essa “maturação” quando não nos alongamos...Seja de manhã, a tarde, ou antes de deitar. É sempre bom dar uma alongada. Alongo mais no serviço e na aeróbica, mas não é sempre. E...percebo a falta no dia a dia. É só guardar uma panela num armário mais alto, esticar mais a perna pra desligar o estabilizador no chão lááá no canto, arrumar a cama, pegar alguma coisa que caiu no chão (!!!), trocar a cortina da janela, limpar o vidro do carro...que pronto, estralam-se ossos, as juntas, sei lá eu o que. Mas estrala. E o barulho é assustadoramente alto. Muito desagradável. Mais ainda quando tem alguém perto e, esse alguém te olha assustado, do tipo “misericórdia que esse barulho saiu de você?”. Pois é, sou crocante...

É percebido também, em relação a quantidade de atividades conseguimos fazer, num mesmo momento tudo junto agora. Quando se tem filhos, o GrauMáximo é atingido com louvor, com certeza absoluta. Tenho conhecidas que amamentando um filho, cuida de outro que corre pela casa, passa roupa, atende a campainha e lê o bilhete da professora no caderno da filha.

Eu não tenho filhos, mas essa habilidade de executar as atividades simultaneamente, tem se desenvolvido muito, conforme os anos vão passando. Além, de ir perdendo certos medos pessoais, como o da panela de pressão explodir, o medo da máquina de lavar correndo e dançando freneticamente pela lavanderia, etc...Nós mulheres temos esse dom, dentre outros, da multifuncionalidade simultânea, do raciocínio rápido.

Isso porque ainda não mencionei do que somos capazes de fazer dentro de um carro..

Por: Debora Brito
Email:deborasbrito@ig.com.br
http://www.fotolog.com.br/dbura/

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...