22 março 2012

A Raiz da História #13 - Amo ser negra, amo ter o cabelo crespo.

Por:Kelly Janaina

Olá! Meu nome é Kelly Janaina, tenho 25 anos, moro em Minas Gerais, sou casada e sou uma mulher bem resolvida das coisas que quero pra mim, mas nem sempre foi assim. Antigamente pensava muito no que as pessoas iriam dizer a meu respeito. Morria de vergonha de andar com meu cabelo trançado ou black porque, quando eu era criança, minha mãe fazia tranças em mim e eu era vaiada na escola e até apelidos horríveis eu tinha. Um deles era bonequinha preta de sete macumba. Então, fui crescendo com medo de ser vaiada e não gostava de fugir muito dos padrões. Andava só de escova ou com o cabelo preso. Andar pra mim com ele trançado ou black nem sonhando.

Hoje saio com meu cabelo natural e tranças de raízes e sempre recebo elogios! Só que ainda existe um preconceito em cima das pessoas que resolveram se assumir como são. Uns adoram, acham lindo, outros sempre vem com uma piada de mal gosto. A última que recebi foi há um tempo. Um conhecido disse que eu estava igual ao boneco melucabelão. Também uma vez que estava de black, passando na rua perto de um casal ei o cara falou "credo tem louco pra tudo". E ainda disse pra menina que se ela fizesse isso terminaria o namoro. Eu não liguei continuei andando, acho que não estamos aqui pra agradar ninguém. Somos lindos de qualquer forma! Hoje me sinto mal quando tenho que escovar o cabelo parece que perco um pouco da minha identidade.

Tenho apoio da minha família a cada penteado e novo um elogio. O interessante que com isso estou mudando as pessoas a minha volta. Minha priminha de 6 anos não gostava de andar com o cabelo solto, agora sempre que saímos ela quer colocar o cabelo igual ao meu.

Gostei muito da mudança do meu cabelo, porque não foi só uma mudança externa, foi interna também. Hoje sou mais segura em tudo que vou fazer, até me especializar em tranças estou fazendo. Em casa estou mudando a cabeça de todo mundo.
Adoro usar tranças e ele natural e não ligo para o que vão dizer de mim! O que importa é eu ser feliz, coisa que eu não era quando imaginava o que estavam pensando de mim.

É uma pena ainda no nosso país, que é uma grande mistura de raças, ainda soframos preconceitos, mas já estamos conquistando vários espaços em vista de antes.




Quando resolvi mudar meu cabelo sem querer mudei minha forma de pensar e agir e isso foi muito bom. Amo ser negra, amo ter o cabelo crespo.

#voceleu A Raiz da História
Bem, assim como tem em alguns blogs, aqui você vai pode conta a história do seu
cabelo. Contar todo o processo, seus medos, os resultados, o que ajudou . . .
Quer participar também?! Manda a história com fotos
pro e-mail:trancanago@gmail.com No assunto: A Raiz da História.

3 comentários:

  1. Amei ver a minha historia sendo postada.
    Obrigada.

    ResponderExcluir
  2. Nossa q linda.. adorei a história e as daminhas de trança?! q lindinhas

    ResponderExcluir
  3. Nossa me emocionei !
    Linda as fotos do casamento

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...