08 novembro 2009

Identidade Negra

Por: Fabio Alves


Quando falamos sobre pele negra e cabelos, inevitavelmente, nos aproximamos da discussão sobre identidade negra. Essa identidade é vista como uma contestação, mas não deve ser só vista como protesto e sim um processo, que não se dá apenas com o olhar de dentro, do próprio negro sobre si mesmo e seu corpo, mas também na relação com o olhar do outro, do que está fora. É essa relação tensa, conflituosa e complexa que aflige e interfere a formação da identidade de um negro. Afinal somos o que somos a partir do olhar do outro, a nossa auto-afirmação passa pela aprovação do outro.

O corpo do negro é impregnado de cultura. Anos de uma sociedade cheia de convenções burras que acabam abafando toda expressão da cultura negra, não só da negra, mais toda e qualquer cultura que não se adequasse a esses padrões. A repetição leva a perfeição. Partindo desse ponto de vista como uma pessoa vai passar a achar normal uma pessoa de cabelo black ou de trança, se ela não convive, não vê esse tipo de coisa nas ruas sempre. Tem que aprender a se olhar com outros olhos e assim doutrinar o olhar alheio.

http://www.rizoma.ufsc.br/pdfs/641-of1-st1.pdf

8 comentários:

  1. cara, na verdade, eu nem sei oq dizer.
    O post tá muito bom mas tá muito defensor.
    Eu sou contra esse negócio de ficar dizendo que "negro é isso" "negro é aquilo".. porra negro é igual branco tudo a mesma merda feita de carne, sangue, vísceras e fluido corporal.
    Pq ninguém defende a raça branca?
    Tudo bem que nós fomos discriminados a vida inteira e até hj acontece isso.
    Mas eu acho que tem que tá na cabeça de todo mundo que evribári é INGUAL !

    ResponderExcluir
  2. Sim somos todos "iguais" sim, mas só na sua visão né?!
    E defender a raça branca de q? pra q? por q?
    Q preconceitos vcs brancos sofrem? q dificuldades vcs brancos têem??
    Pelo amor de Deus né?!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Suellen, acho que a Camila está um pouco confusa.
      realmente, não existe comparação!
      E comungo dos seus questionamentos: Defender o branco de que?
      só se for dele próprio!

      Excluir
  3. Suellen, Concordo com você. Defender os brancos de quê? Eu nunca vi um branco por mais pobre que seja, sendo discriminado. Nunca vi um branco de carrão sendo parado pela polícia.Faça-me o favor.

    ResponderExcluir
  4. Entendi o que a Camila quis dizer.
    E acredito até que ela teve boa intenção.
    Mas acredito mais forte ainda que é preciso que cada brasileiro seja consciente do país em que vive.

    Seja consciente de que somos frutos contínuos do que aconteceu bem antes de nós. Como nosso processo histórico se deu. Como se dá, e o que podemos fazer para um futuro melhor e mais justo.

    Estamos em 2010 e até hoje, os negros (ou pretos, como defende um amigo militante do movimento nas favelas) ainda são maioria nas estatísticas de pobreza e miséria. Ainda são maioria nos manicômios e prisões. Maioria nas favelas e nos números de morte por confronto entre polícia e tráfico.

    Diante dessas circuntâncias é preciso perceber que somente uma educação politizadda que faça nosso povo mais povo, mais ciente do que é e do que foi é que poderá vingar.

    É que nos fará aprofundarmos em nossas relações com o mundo, com a sociedade e nos fará reagir para as tantas e tantas diferenças sociais e econômicas que excluem sim, e tantas vezes faz com que o negro e o pobre estejam tão próximos da senzala e tão longe de um mundo onde "evribári é ingual".

    Ah, embora seja neta de índia e negro, levo a pele clara. Mas a discriminação que não passei pela cor, passei por ser retirante. Ser nordestina e nortista.
    Ironicamente, é dessas origens o que mais me orgulho.

    ResponderExcluir
  5. Raça Branca ?! Nós Negros ainda sofremos preconceitos todos os dias e alguns que passam ate batidos pelos nossos ouvidos e olhos ;
    Por mim todos nós seriamos iguais mais eu não aguento ver e passar pelo preconceito e ainda ficar por ai defendendo a ''RAÇA BRANCA'' como se fossem meus herois . o que não são .
    Me orgulho todos os dias da minha cor , da minha beleza super diferente e me alegro quando lembro de onde eu vim !

    ResponderExcluir
  6. Querida Camila acho q vc deve estudar mais sobre nós Negros e como somos vistos pela sociedade Brasileira,que infelizmente ainda sofremos e somos inferiorizados a todo momento,sofremos enorme preconceito,racismo e discriminação Racial em todos os lugares. Concordo plenamente com vc Suellen,devemos defender o Branco do que???Será que são os Brancos que ao entrarem em uma loja são praticamente expulsos com olhares discriminatórios?????
    Só no seu mundo imaginário querida Camila.
    não é vc que entra em uma loja,mercado,lanchonete,etc.E todos o olham da cabeça aos pés,pensando que você vai assaltar o lugar...
    bjos... amei o blog....

    ResponderExcluir
  7. Agora que li os comentários, meu, vcs são retardados demais, pqp.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...